Frio

Paulo Bentancur



ISBN: 85-205-0274-1
Categoria: Literatura brasileira
Edição: 1ª - 2001
Formato: 14 x 21 cm
Nº de Pag.: 128
Peso: 0,180 Kg
Preço: R$ 25,00

A excitante e amarga experiência de compartilhar a própria namorada com outro. Um milionário coleciona ruínas. Num quarto de motel uma mulher narra o reencontro com a filha morta. Um editor atura um escritor só para roubar-lhe a companheira. Um breve e fulminante monólogo kafkiano diante do túmulo do pai. 0 mundo implacável de Frio, um momento singular em nossa ficção. Já a partir do título este livro anuncia que não está aí para enganar ninguém. E segue na dedicatória, e na epígrafe, e no primeiro conto, provocador e ao mesmo tempo de um realismo desconcertante. São dezoito histórias quase em dezoito estilos, exagero à parte. Paulo Bentancur sabe que o estilo é o homem, logo o escritor só pode ser identificado por uma voz recorrente, mas em Frio, Bentancur não resiste a fazer experiências (marca de sua obra), a bancar o ventríloquo. Dá para se dizer que no mínimo os seis primeiros contos poderiam ser escritos por seis diferentes escritores. O que não deixa de soar irônico num livro com vocação para o realismo mais cru, tipo Rubem Fonseca, e o humor mais negro, tipo Kafka ou Dalton Trevisan.

 

 

 
 


Voltar | Imprimir

 

Os dados pessoais fornecidos pelos usuários do site www.editorasulina.com.br são assegurados pela seguinte Política de Privacidade